quarta-feira, 14 de outubro de 2020

 



A Oficina do Cego é uma associação cultural fundada em 2009, em Lisboa, por um grupo eclético de artistas, profissionais das artes gráficas, docentes e entusiastas das artes múltiplas, da impressão ou do livro. Nesse sentido, dedica-se à criação, produção e divulgação de disciplinas gráficas, tais como serigrafia, tipografia, cianotipia, gravura, encadernação e artes do papel.


São duas as missões que regem a Oficina do Cego. 

A primeira é a criação de objectos gráficos, desde pósteres a livros, cadernos e outros objectos fora destas categorias. Todos eles construídos numa lógica de colectivo ou de «mãos na massa», no sentido em que os associados estão envolvidos em algumas, se não em todas, as etapas da sua produção. Não se encontra uma linguagem comum a todos os projectos editados na Oficina do Cego, pois cada um reflecte a dinâmica criada entre as condições oferecidas pela associação e o perfil técnico e a intenção pessoal de cada associado. Apesar de terem sido produzidos muitos livros numa primeira fase da Oficina do Cego, nos últimos anos surgiram sobretudo cartazes, e é com eles que, nesta exposição, se mostra a vertente editorial da associação.

A segunda missão da Oficina do Cego é o ensino. Como plataforma de partilha de conhecimento, a associação oferece tanto workshops introdutórios como cursos mais longos e com maior complexidade. A principal marca que a Oficina do Cego tem vindo a deixar nos últimos anos no panorama editorial é o Curso de Auto-Edição. Surgiu, em 2011, da necessidade de criar uma oferta formativa que preenchesse uma lacuna em Portugal: a preparação teórico-prática necessária para desenvolver projectos de auto-edição de publicações com natureza gráfica. Assim, na primeira parte do curso são ensinadas as técnicas de impressão manual (serigrafia, tipografia de caracteres móveis, linogravura e fotografia), de maquetagem, de encadernação e de engenharia do papel. Na segunda parte do curso, estes conhecimentos são postos em prática com o desenvolvimento do projecto gráfico de cada formando, sob a forma de edição múltipla.

Os projectos resultantes dos sete Cursos de Auto-Edição realizados até à data são igualmente objecto desta exposição. Com eles se mostra a vertente didáctica da Oficina do Cego, que impulsionou muitos talentos do livro de artista e da edição independente em Portugal.


Convidamos-vos a visitar exposição Editar! 11 anos de Oficina do Cego, a ter lugar na Galeria da Sede da Junta de Freguesia de Arroios, de 15 de Outubro a 15 de Novembro.




Sem comentários:

Publicar um comentário